Urgência x Importância


O tempo é o recurso mais democrático disponível, pois todos nós temos 24 horas ao nosso dispor.

O tempo é o recurso mais precioso que existe, pois seu valor é o valor da vida. Ao mesmo tempo, ele é o recurso mais democrático disponível, pois todos nós temos 24 horas ao nosso dispor. A escolha do que fazer, do que priorizar, cabe a cada um de nós, protagonistas na gestão do tempo.

Como é o gerenciamento do seu tempo em relação aos objetivos definidos pela sua organização?

Ao lançar um olhar sobre cada uma das atividades que você desempenha em seu cotidiano, é possível perceber quais delas são urgências, quais são importâncias e também quais são supérfluas, que atendem a uma necessidade de fuga e representam desperdício de tempo e energia.

Para ajudar nessa reflexão, vamos entender um pouquinho sobre cada definição.

As urgências são tudo aquilo que é inesperado, que surge de fora para dentro e exige resposta no agora em um curto espaço de tempo, o que geralmente leva ao estresse.

Já as importâncias estão no campo do planejamento a médio e longo prazo. Elas são previsíveis e estão relacionadas às metas crucialmente importantes para a organização. Elas vêm de dentro para fora e geram bem-estar.

Ao se estruturar tecnicamente e comportamentalmente, é possível eliminar as fugas e excessos e minimizar aquelas atividades que desempenhamos sem utilidade efetiva para atingir os objetivos propostos. Assim, exercemos a gestão contemporânea.

Tudo começa com uma boa priorização do que precisa ser feito.

Vamos fazer uma breve análise das atividades que você desempenha em seu dia a dia para descobrir o que de fato é URGENTE ou IMPORTANTE?

Clique aqui para baixar a ferramenta.

#gestãodetempo #tempo #urgênciasximportâncias

214 visualizações